Seguidores

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Topázio Azul


Topázio Azul

 
Esta palavra vem do nome da ilha Topazos no Mar Vermelho. É um flúor silicato de alumínio e ferro.

Os topázios no Brasil são fortemente piroelétricos e transparentes. Grande número de cristais não pode ser aproveitado na lapidação, pelas jaças ou fraturas internas em diversas direções.

As jazidas são acompanhadas de grandes cristais de quartzo hialino. Nestes, vêem-se cristais prismáticos de topázio, ou no seu interior ou embutidos nas faces com diversas orientações.

Alguns cristais são envolvidos numa crosta de ferro ligisto especular em finas palhetas. Outros estão no meio de um litomargio (silicato de alumínio hidratado) com mica. As jazidas de exploração compreendem uma argila parda amarela que os mineiros chamam de moledo, e a argila micácea, que os mineiros chamam de piçarra. Estes depósitos se acham em contatos com xistos, itabiritos e nas proximidades de óxidos de manganês. Este mineral é tipicamente neumatolítico, especialmente ligado a granitos, associados com a cassiterita. Magníficos cristais de topázio são encontrados no Brasil, onde existe variedade original denominada “pingos d’água”, notável pela grande quantidade de inclusões líquidas que contém.

Obs.: Algumas vezes é chamado de topázio o quartzo citrino amarelo SiO2, como também de topázio oriental, o coríndon amarelo Al2 O3.

Cristalografia: Ortorrômbico; bipiramidal. Em cristais prismáticos, terminados por bipirâmides, prisma de primeira e Segunda ordens e pinacóide basal. Muitas vezes, muito modificados. As faces do prismas vertical são estriadas, frequentemente. De ordinário, em cristais, mas também em massas cristalinas; granular, com grânulos grossos ou finos.

Propriedades Físicas: Clivagem | 001 | perfeita. Dureza = 8 (extraordinariamente alta); Densidade = 3,4 à 3,6. Brilho vítreo. Incolor, amarelo da palha, róseo, amarelo do vinho, azulado, esverdeado. Transparente à translúcido.

Composição: um fluossilicato de alumínio Al2SiO4(F,OH)2.

Ensaio: Infusível. Insolúvel. O minera pulverizado, como solução de nitrato de cobalto dá, pelo aquecimento, uma bela coloração azul (alumínio).

Aspectos Diagnósticos: Reconhecido, principalmente, por seus cristais, sua clivagem basal, sua dureza e sua densidade relativa elevada.

Ocorrência: O topázio é um mineral formado pela ação dos vapores contendo flúor, emanados durante os últimos estágios da solidificação das rochas ígneas. Encontrado nas cavidades das lavas riolíticas e no granito; é um mineral característico nos diques de pegmatitos, especialmente nos que contém estanho. Associado com a turmalina, cassiterita, apatita e fluorita; também com o berilo, quartzo, mica e feldspato. Encontrado em algumas localidades, como seixos rolados, nas areias dos rios.

As localidades notáveis por ocorrência são: na URSS. No distrito de Nerchinsk; na Sibéria, nos Montes Urais, em cristais de cor azul-pálida; na Alemanha, em várias localidades onde se encontra o estanho; no Brasil, em Minas Gerais; no México e em várias localidades dos EUA..

Uso: Como gema. Um certo número de outras pedras inferiores também são chamadas, frequentemente, de topázio, ou topázio oriental. A cor das pedras varia: incolor, amarelo do vinho, castanho dourado, azul-pálido e róseo. A cor rósea é usualmente artificial, sendo produzida mediante aquecimento brando de pedras amarelas, escuras.

Características como Gema: O topázio é um silicato fluorífero de alumínia da fórmula Al2SiO4. Cristaliza-se no sistema rômbico. Peso Específico = 3,53; Pleocroísmo = 2 à 4 cores no dicroscópio; rosa; rosa-claro, alaranjado/amarelado, azulado/incolor. O topázio verdadeiro é um mineral que tem, de modo geral, a cor amarelo-palha ou alaranjada. Existem, igualmente, topázios sem coloração ou com matizes azulados, semelhantes às águas marinhas. O topázio incolor não é muito apreciado, embora seu tamanho atinja, por vezes, o de uma cabeça humana. Os dois tipos mais característicos do topázio são: o da Rússia, com plano basal largo, e o do Brasil, sem plano Basal. Há entre os topázios espécimes, denominados quente e imperial, cujo matiz alaranjado saturado os torna muito apreciados. Não pode haver confusão entre o topázio-verdadeiro e o topázio-oriental, isto é o coríndon-amarelo, por causa da pronunciada cor alaranjada da pedra oriental. São os topázios orientais muito mais valiosos que os topázios legítimos, não pela beleza, mas pela raridade de sua coloração entre os coríndons.

As principais jazidas de topázios legítimos estão situadas no Brasil, na Rússia e na Índia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário