Seguidores

domingo, 29 de junho de 2014

TriStar começa terceira fase de sondagem em Castelo dos Sonhos

TriStar começa terceira fase de sondagem em Castelo dos Sonhos




A TriStar Gold deu início hoje (1) à terceira fase da campanha de sondagem no projeto de ouro Castelo dos Sonhos, no Pará. O objetivo da mineradora júnior canadense é investigar o alvo Esperança South. A TriStar pretende finalizar até agosto deste ano a documentação necessária para solicitar a conversão da autorização de pesquisa da área em concessão de lavra.
De acordo com a mineradora, a campanha de sondagem em 2014 vai estabelecer parâmetros para fortalecer os dados do relatório técnico de estimativa de recursos, que deve ser encaminhado ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).
Vista aérea do projeto Castelo dos Sonhos
As sondagens pretendem identificar se há continuação da mineralização de Esperança South. Segundo a TriStar, à medida que os resultados forem divulgados pelos laboratórios, novas áreas de interesse podem passar por sondagem.

A mineradora canadense informou que concluiu a segunda e última parcela (tranche) da emissão privada anunciada em 16 de janeiro deste ano. A TriStar levantou US$ 2,2 milhões com a emissão de 22,3 milhões de títulos, que são compostos por uma ação da empresa e uma opção de compra (warrant).

Todas as ações, incluindo as que foram adquiridas por meio de warrants no segundo tranche, estão sujeitas a um prazo de carência de até 29 de julho de 2014.

A TriStar informou, em 5 de fevereiro, que fez um aditivo ao contrato de compra de Castelo de Sonhos, para estender as datas de vencimento referentes às parcelas restantes para a compra da propriedade. Os prazos para pagar parte dos cerca de US$ 1,7 milhão foram prorrogados para 2015.

Uma parcela de US$ 300 mil que deveria ser paga no último mês de março foi dividida em três pagamentos de US$ 100 mil nos próximos onze meses. A primeira parte estava prevista para ser paga até 13 de março. O pagamento final de US$ 1,4 milhão, que estava previsto para setembro deste ano, foi adiado para julho do ano que vem. Porém, serão cobrados US$ 75 mil de juros pelo atraso.

A TriStar Gold é uma empresa de exploração de ouro com ênfase para propriedades de alto potencial, em especial no Brasil. Seus principais projetos são Castelo de Sonhos e Bom Jardim, ambos na província mineral de Tapajós, no Estado do Pará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário