Seguidores

sábado, 28 de março de 2015

Guerra do minério de ferro: preço atinge US$54,80/t. Assustada Fortescue pede para grandes mineradoras “agir como adultos”

Guerra do minério de ferro: preço atinge US$54,80/t. Assustada Fortescue pede para grandes mineradoras “agir como adultos”




O preço da tonelada do minério de ferro atingiu agora, US$54,80 no Porto de Tianjin, na China. Uma queda de 1,3% que fez as ações das mineradoras, também, cair.

A Vale está sendo negociada a -3,5%.

Do outro lado do mundo a quarta maior produtora de minério de ferro, a Fortescue, já começa a dar sinais evidentes de seus primeiros estertores.

Andrew Forrest, o CEO e principal acionista da Fortescue, abriu a boca e disse para o trio Vale, Rio Tinto e BHP que eles deveriam começar a “agir como adultos” iniciando um corte de produção e com isso evitando o colapso de tantas mineradoras.

A fala de Forrest parece não ter tido eco junto às mineradoras do triunvirato. Ele pode até ser interpretada como uma proposta de aliança para subir os preços do minério de ferro de volta para o patamar de US$90/t...

Sam Walsh, o CEO da Rio Tinto, não perdeu a oportunidade e disse que os comentários de Forrest “não faziam senso e que talvez ele não tenha tido a devida assessoria jurídica”...

O que Sam Walsh quer dizer é que se ele( Rio Tinto) não suprir o minério de ferro uma outra empresa vai.

Com esse raciocínio está fechado o círculo.

É guerra e ninguém vai carregar os feridos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário