Seguidores

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

O samba nasceu na Bahia, no século 19

 O samba nasceu na Bahia, no século 19

O RankBrasil destaca recordes relacionados, entre o primeiro samba gravado, o de maior duração, a maior participação em escolas e o maior tempo dançando


O samba nasceu no século 19, na Bahia, através de uma mistura de estilos africanos, mas criou raízes e se desenvolveu no Rio de Janeiro.
CURIOSIDADE – O samba nasceu na Bahia, no século 19
O samba nasceu na Bahia, mas criou raízes e se desenvolveu no Rio de Janeiro / Foto: Depositphotos.com[luislouro]

No início era ligado à cultura negra – malvista na época. Os que cantavam e dançavam samba podiam até ir presos. Somente mais tarde o ritmo passou a ser encarado como um símbolo nacional, principalmente no início dos anos 40.

Na música, a harmonia é feita por instrumentos de corda como violão e cavaquinho, e o ritmo através do tambor, pandeiro ou surdo. Com o passar dos anos, outros instrumentos foram incorporados, como a flauta, piano e saxofone.
Entre os principais tipos estão samba-enredo (assunto que a escola escolhe para o desfile), samba-canção (com ritmos lentos e letras sentimentais e românticas), e samba carnavalesco (marchinhas para dançar e cantar nos bailes do gênero).

Recordes relacionados
O Primeiro samba gravado no país é a música ‘Pelo Telefone’, criada no Rio de Janeiro (RJ) em 1916. O deMaior tempo de duração é ‘Sou louco por você’, que tem 1h13min56s. Já a marca de Primeira escola de samba pertence à ‘Deixa Falar’, do Rio de Janeiro, fundada em 1928.

O RankBrasil também destaca a brasileira Adriana Perett, que possui o recorde de Maior participação em escolas de samba, desfilando em 14 no mesmo Carnaval. Outro título relacionado é do gaúcho Alan Fagundes, com o Maior tempo dançando samba no pé, durante 15h1min23s.

Nenhum comentário:

Postar um comentário