Seguidores

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Saiba quais são os benefícios do feijão

Saiba quais são os benefícios do feijão

PAIXÃO BRASILEIRA

Se você perguntar para um brasileiro que está fora do país há algum tempo do que ele mais sente falta na alimentação, pode ter certeza que a resposta será feijão. Descubra os benefícios desse delicioso grão

O feijão carioca é o preferido dos brasileiros e combina perfeitamente com o arroz branco
O feijão carioca é o preferido dos brasileiros e combina perfeitamente com o arroz branco

Além de ser um alimento delicioso, esse grão é versátil (serve para pratos doces e salgados) e é riquíssimo em nutrientes fundamentais para a manutenção da saúde. O feijão é rico em fibras, fitoestrogênios, vitaminas e minerais, como proteína, ferro, magnésio, potássio e zinco
O feijão é também fonte de proteínas que é um nutriente estrutural e faz parte de toda a estrutura do nosso corpo. Músculos, todos os órgãos, hormônios, enzimas, unhas, cabelos e pele precisam desse nutriente para manter a sua integridade.
Outra substância bastante presente no feijão é o ferro. Ele tem diversas funções no organismo, a principal delas é fazer parte da composição das hemoglobinas no sangue, que levam oxigênio às células. Além disso, esse nutriente faz parte do processo que gera energia ao organismo, da produção de neurotransmissores e da formação de novas células. Vale lembrar que nosso corpo todo é formado de células.
O feijão branco é muito utilizado em saladas e em pratos com frango
O feijão branco é muito utilizado em saladas e em pratos com frango
O feijão é bastante indicado para as mulheres durante o período de menstruação, pois é necessário fazer uma reposição de ferro maior devido a perda de sangue. Isso serve para as gestantes também, por causa do aumento do volume sanguíneo, de tecidos, células e geração do feto. As crianças e adolescentes também precisam adequar o consumo de ferro dada a condição de crescimento em que se encontram.
Existem dois tipos de fibras presentes no feijão: as solúveis e as insolúveis. Ambas melhoram o funcionamento intestinal. As do tipo solúvel exercem efeito sobre a glicose no sangue, normalizam os níveis de colesterol, fortalecem a imunidade e previnem alguns tipos de câncer.
Porém, a fibra sozinha não é a cura para estas doenças, mas estão associadas à importante melhora quando introduzidas no contexto do tratamento do diabetes e colesterol. Estudos mostram que aqueles que consomem mais fibras apresentam menores incidências de câncer de cólon. É importante também não esquecermos de mencionar sobre o efeito na saciedade. As fibras permitem um esvaziamento do conteúdo do estômago de forma mais lenta e o retardamento na liberação de glicose para o sangue, atenuando a sensação de fome.
O feijão preto é o protagonista das deliciosas feijoadas
O feijão preto é o protagonista das deliciosas feijoadas
O magnésio é um componente importantíssimo para os ossos e músculos que também está presente no feijão. Ele participa da geração de energia, do processamento de nutrientes (como os carboidratos e proteínas) para serem distribuídos ao corpo e também na transmissão de sinais musculares. Sua deficiência pode trazer problemas ósseos e neuromusculares.
Outro nutriente vital presente no feijão é o potássio. Ele mantém o equilíbrio hídrico, osmótico, equilibra o pH, está envolvido no crescimento celular e regula a atividade neuromuscular. Está associado à melhora no controle de hipertensão. O feijão também conta com uma boa quantidade de zinco, que participa do metabolismo de outros nutrientes, na estrutura ósseas, na produção de DNA e nas atividades de sinalização de células no cérebro. Sua deficiência causa anemia, demora na cicatrização, lesões na pele, deficiência no sistema imunológico e problemas de crescimento para crianças e jovens. A pessoas também podem ter o paladar diminuído com a falta de zinco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário