Seguidores

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Citi corta projeção para minério de ferro, mas indica compra da Vale

Citi corta projeção para minério de ferro, mas indica compra da Vale


Ações e Financeiro6 horas atrás (21.06.2017 05:14)
 
 
© Reuters.  Citi corta projeção para minério de ferro, mas indica compra da Vale© Reuters. Citi corta projeção para minério de ferro, mas indica compra da Vale

Money Times - O Citi cortou a projeção para os preços da tonelada do minério de ferro para o segundo semestre de 2017 e 2018 de US$ 62 a US$ 50 e de US$ 53 para US$ 50, respectivamente, mostra um relatório enviado a clientes nesta terça-feira (20) e assinado por Alexander Hacking.
“A utilização de alto fornos chineses e a demanda por minério de ferro provavelmente alcançaram um pico no curto prazo. O mercado deve ficar com excesso de oferta dada a capacidade adicional de Vale S11D e Roy Hill”, avalia o analista.
Segundo ele, os preços precisam cair para US$ 45 a tonelada para espremer a capacidade que retornou ao mercado nos meses recentes.
Vale
Apesar da estimativa mais baixa para o principal produto vendido pela Vale, o banco calcula que a ação da companhia negocia ao equivalente a 5,5 vezes o Ebitda esperado para o ano e a 12% o fluxo de caixa livre esperado.
“Estes múltiplos são atrativos, em nossa opinião, especialmente dado o volume adicional de aproximadamente 20% de minério de ferro chegando até 2020 para compensar os preços menores”, diz Hacking.
O Citi lembra ainda que a mineradora brasileira tem uma importante oportunidade de assumir papel de liderança no mercado de níquel “reduzindo capacidade não lucrativa e melhorando os preços – mais provável sob a administração do novo CEO, em nossa opinião”.
A recomendação é de compra das ações VALE5 (SA:VALE5) com um preço-alvo de R$ 34,54, o que representa um potencial de valorização de aproximadamente 43%.
Por Money Times
Citi corta projeção para minério de ferro, mas indica compra da Vale
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário