Seguidores

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Como os glóbulos brancos e vermelhos funcionam no organismo

Como os glóbulos brancos e vermelhos funcionam no organismo

CÉLULAS SANGUÍNEAS

Cerca de 45% de nosso sangue é composta por por células (a maioria de glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas).

globulos-brancos-e-globulos-vermelhos
A quantidade de glóbulos brancos e vermelhos tem de estar em quantidades proporcionais. (Foto: Reprodução)
Cada elemento celular tem suas funções próprias. Os glóbulos vermelhos captam o oxigênio do ar inspirado pelos pulmões, fixam-no à hemoglobina e o distribuem pelos diferentes tecidos do corpo, tornando possível a vida das células.
A função dos glóbulos brancos é um pouco mais complicada, embora seu trabalho principal consista “apenas” em defender o organismo contra bactérias ou toxinas que penetrem nele. As plaquetas, por sua parte, contribuem decisivamente para a coagulação do sangue, por isso sendo muito importante sua atuação quando há grandes hemorragias.
Todas essas células são produzidas em diferentes lugares do organismo. Os glóbulos vermelhos, os leucócitos polinucleares e as plaquetas se formam na medula óssea. Os linfócitos têm origem nos gânglios linfáticos e no baço.
Dos milhares doenças que podem afetar o sangue, as mais características são aquelas devidas a alterações de seus elementos celulares.
A diminuição de glóbulos vermelhos se denomina anemia e seu aumento acima das taxas normais, poliglobulia. O aumento de glóbulos brancos ou leucócitos se chama leucocitose; geralmente acontece um caso de infecção aguda do organismo. A diminuição de leucócitos chama-se leucopenia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário