Seguidores

sábado, 24 de junho de 2017

13 Coisas Que Você Deve Parar De Fazer Se Quiser Atingir A Liberdade Financeira

No seu último dia na Terra, a pessoa que você se tornou irá se encontrar com a pessoa que você poderia ter se tornado – Autor Desconhecido

Às vezes, para nos tornarmos bem-sucedidos, livres financeiramente e chegar mais perto da pessoa que queremos nos tornar, nós não precisamos fazer mais coisas na nossa vida – nós precisamos parar de fazer.
Você pode parar de fazer algumas coisas hoje mesmo e ter uma rápida transformação…
Aqui vai uma lista de 13 coisas para se parar de fazer se você quiser alcançar a Liberdade Financeira.
Eu acho a número 13 a mais difícil de todas. Veja o que você pode fazer!

1 – Parar De Comer Mal E Ser Sedentário

A verdadeira saúde é a precisão da mente e um conforto em habitar o próprio corpo – Flávio Passos
Aquilo que você ingere é o que servirá de combustível ao seu cérebro para resolver os seus problemas e tomar decisões.
Alimente bem o seu cérebro e exercite bem o seu corpo.

2 – Parar De Ser Imediatista

O sucesso é a soma de pequenos esforços repetidos dia após dia – Robert Collier
De quê vale ganhar uma fortuna de repente e gastar toda ela em um mês?
Dê valor às pequenas vitórias de cada dia, no longo prazo isso significará um resultado expressivo!

3 – Parar De Pensar Pequeno

O perigo não é você pensar grande e não conseguir. O perigo é você pensar pequeno e conseguir – Rony Meneses
Quer poder viajar uma vez por ano?
Pense maior que isso: aja como se você quisesse viajar 10 vezes por ano!

4 – Parar De Dar Desculpas

 Autorresponsabilidade é a crença de que você é o único responsável pela vida que tem levado, sendo assim é o único que pode mudá-la – Paulo Vieira
Assuma para si a responsabilidade das coisas.
Seja o responsável pelas suas vitórias e pelas suas derrotas.
Foque em soluções, não em problemas!

5 – Parar De Fechar A Sua Mente

Uma mente aberta a uma nova ideia nunca voltará a ter o mesmo tamanho – Albert Einstein
Não se apegue em modelos fixos a serem seguidos.
Modelos falham.
As verdadeiras soluções nunca são convencionais.

6 – Parar De Acreditar Em Uma Solução Mágica

Não compare os seus bastidores com o palco do vizinho – Marcia Luz
Não há o que você possa fazer que mude sua vida do dia para noite.
Você só brilha em um palco depois de sofrer nos bastidores.

7 – Parar De Ser Perfeccionista

Ser obsessivo com a perfeição é como querer correr no mar ou nadar no deserto – Autor Desconhecido
Nada é bom demais que não possa melhorar.
Faça o melhor que você pode e seja 1% melhor a cada dia.

8 – Parar De Querer Abraçar O Mundo

Você nunca chegará ao seu destino se você parar para jogar pedras em cada cachorro que latir para você – Winston Churchil
Canalize a sua energia em apenas uma tarefa.
Saber um pouco de tudo é bom, mas saber muito bem de uma única coisa é indispensável.

9 – Parar De Ser Controlador

Algumas coisas estão ao nosso alcance e outras coisas não estão – Epíteto
Ignore o que você não pode controlar.
Foque em coisas que você tem poder de mudar.
Importante lembrar: você é a única pessoa do mundo que você pode transformar completamente.

10 – Parar De Dizer SIM Para Coisas Que Não Te Levam A Nada

Dizer SIM para algo que não faça sentido é dizer NÃO para os seus objetivos – André Fogaça
Às vezes você precisará dizer NÃO a prazeres imediatos e efêmeros.
Stephen Covey, autor do best-seller “Os Sete Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes” mostra que um desses sete hábitos é aprender a dizer NÃO.

11 – Parar De Andar Com Pessoas Tóxicas

Você é a média das 5 pessoas com quem você mais convive – Jim Rohn
Olhe a sua volta reflita.
Chega de relacionamentos que te colocam para baixo.
Ande cercado de pessoas positivas e que estão com você nos momentos mais difíceis.

12 – Parar De Querer Agradar A Todos

Não sei qual é a chave para o sucesso, mas a chave para o fracasso é tentar agradar a todos – Bill Cosby
Não importa o que você faça, você nunca vai agradar à todos.
Quando você faz algo importante, algumas pessoas não vão gostar.
E você não precisa se justificar por isso.

13 – Parar Com O Excesso De Televisão E Mídias Sociais

As redes sociais são uma armadilha à sociedade – Zygmunt Bauman
Além de ser um veículo que leva você a horas de procrastinação e afasta você dos seus objetivos maiores, existe um modo perverso de convivência nas mídias sociais.
É possível adicionar e deletar amigos, e controlar as pessoas com quem você se relaciona.
Há uma ilusão de você estar conectado, quando na verdade, você está vivendo solitariamente em uma bolha social.
Fonte- Guiainvest

EXCLUSIVO-Petrobras negocia aditivo em contrato de equipamento para pré-sal em busca de segurança

EXCLUSIVO-Petrobras negocia aditivo em contrato de equipamento para pré-sal em busca de segurança

sexta-feira, 23 de junho de 2017 18:44 BRT
 


]

Logo da Petrobras em tanque da companhia em São Caetano do Sul, Brasil
28/09/2016
REUTERS/Paulo Whitaker
1 de 1Versão na íntegra
Por Rodrigo Viga Gaier RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras negocia um aditivo ao contrato com a fornecedora de equipamentos TechnipFMC visando dar mais segurança para conexões utilizadas na produção no pré-sal, após duas falhas em dutos injetores de gás que alertaram para eventuais riscos na importante área produtora de petróleo do país, revelou a petroleira à Reuters. A petroleira agora está exigindo um revestimento duplo nas conexões desses dutos submarinos flexíveis, também chamados risers, após ter fechado um contrato de 300 milhões de dólares com a TechnipFMC em agosto de 2016 para fornecimento dos equipamentos. O aditivo, cujo valor ainda está sendo negociado entre a Petrobras e a TechnipFMC, tornou-se necessário depois de dois incidentes ocorridos na conexão de dutos de injeção de gás, após o fechamento do contrato, entre o ano passado e o início de 2017, segundo a assessoria da Petrobras. No primeiro caso, o riser estava inoperante e a falha foi detectada quando a companhia estava recolhendo o duto, enquanto no segundo a produção foi imediatamente paralisada. Os episódios, nos campos em Lula e Sapinhoá, os dois principais campos produtores de petróleo do Brasil, acenderam a luz amarela na área técnica da companhia, que começou a investigar as falhas e a monitorar a conexão dos demais dutos utilizados no pré-sal. Contudo, o diretor de Desenvolvimento da Produção e Tecnologia da Petrobras, Roberto Moro, minimizou riscos de um acidente ambiental por vazamentos, afirmando que os problemas ocorreram nos risers para gás. "O risco (de um acidente ambiental) é mínimo e perto de zero, porque estamos falando de riser de gás e não óleo. E não há também risco para produção", disse ele à Reuters, ao ser questionado sobre o assunto. "Foi uma questão pontual e não foi detectado problema em outro riser, mas continuamos monitorando", disse Moro. Parte dos risers com problemas, que sofreram infiltração de água, caiu no fundo do mar. Eles estavam conectados aos sistemas das plataformas tipo FPSO Cidade de Angra dos Reis (Lula) e Cidade de São Paulo (Sapinhoá). CORROSÃO Segundo a Petrobras, nos dois casos, houve uma falha de corrosão por CO2, mais suscetível em risers que transportam gás, não naqueles usados para transportar petróleo. A partir dos problemas nos dutos de injeção de gás nos poços, a petroleira brasileira decidiu reforçar os equipamentos que serão utilizados na futura produção do pré-sal, que já responde por quase metade da extração de petróleo e gás do Brasil. No entanto, os risers com dupla proteção nas juntas, para evitar novas infiltrações de água do mar, serão utilizados inicialmente apenas nas novas operações. "Não estão previstas substituições dos dutos que já estão em operação no pré-sal...", disse o executivo. O aditivo está em fase de negociação e ainda não há um prazo definido para a sua formalização, enquanto a própria TechnipFMC pesquisa o caso, tendo contratado especialistas em corrosão por CO2 para analisar especificamente esse problema. O contrato original com a TechnipFMC, que fabricou os risers que caíram, previa o fornecimento de 80 quilômetros de dutos flexíveis para serem entregues ao longo de cinco anos. A TechnipFMC afirmou, por meio de assessoria de imprensa, que não vai comentar a informação. Segundo a assessoria, questões contratuais têm que ser vistas com a contratante, no caso, a Petrobras.
 

Brasil reage aos EUA e cogita motivação comercial para suspensão à carne

Brasil reage aos EUA e cogita motivação comercial para suspensão à carne

sexta-feira, 23 de junho de 2017 20:19
 


[-] Texto [+]

Funcionários trabalham em unidade da JBS em Lapa, no Paraná
  21/3/2017     REUTERS/Ueslei Marcelino
1 de 1Versão na íntegra
Por Marcela Ayres e Roberto Samora BRASÍLIA/SÃO PAULO (Reuters) - O governo brasileiro cogitou motivações econômicas por trás da suspensão das importações da carne in natura do país pelos Estados Unidos, argumentando que os problemas apontados em relação ao produto não trazem risco à saúde pública. "Temos que acreditar que todos os parceiros comerciais do Brasil agem com lealdade, da mesma forma como país age. Mas não podemos descartar que haja motivações econômicas nesse processo", disse o secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Eumar Novacki, a jornalistas. "Vamos levantar tudo isso", disse, ressaltando que o governo investigará os problemas citados pelo USDA, o Departamento de Agricultura dos EUA, para suspender os embarques na véspera. Preliminarmente, Novacki disse que há indicações de que os abscessos encontrados na carne pelo USDA, um dos motivos da suspensão, são reação à vacinação do gado contra febre aftosa. Durante a coletiva de imprensa, Novacki defendeu o sistema de inspeção federal, que classificou como robusto, e afirmou que o país não pode aceitar que questões econômicas eventualmente estejam por trás de tais medidas. "Percebemos que existe um movimento nacionalista nos Estados Unidos. Esse foi o primeiro movimento concreto em relação à agricultura que nos coloca um alerta, uma luz amarela", disse, destacado que o Brasil foi pego de surpresa com a suspensão. Ele disse também que, se for identificado que a suspensão é meramente comercial, vai discutir a questão em fóruns como a Organização Mundial do Comércio (OMC). Novacki afirmou que o Ministério trabalha para reverter a suspensão o mais rápido possível, incluindo uma visita técnica aos EUA prevista para a primeira semana de julho, preparatória para uma viagem do ministro Blairo Maggi. Mais cedo, Blairo afirmou em publicação em rede social que o Brasil "vai lutar pelo mercado" de carne bovina dos EUA, aberto apenas no ano passado após 17 anos de negociações, que em geral empacavam na questão da febre aftosa. O Brasil, maior exportador global de carne bovina, é o único país livre de aftosa com vacinação que exporta aos EUA. As exportações brasileiras aos norte-americanos ainda são relativamente pequenas dentro do total de 5,5 bilhões de dólares de 2016. As vendas aos EUA atingiram quase 50 milhões de dólares de janeiro a maio, mas o mercado é visto com o importante para conquistar países como Japão e Coreia do Sul. Novacki disse ainda que os EUA são concorrentes do Brasil, que pode exportar 100 milhões de dólares ao país em 2017. Segundo ele, a suspensão envolveu as 15 plantas habilitadas no país para exportação da carne in natura para os EUA, entre elas unidades da JBS (cinco), Minerva e Marfrig (quatro cada). Marfrig e Minerva disseram que vão redirecionar embarques aos EUA a partir de unidades no Uruguai, durante a suspensão. A JBS, que tem boa parte das operações nos EUA, não se manifestou. VACINAÇÃO Novacki comentou que, embora os problemas apontados possam ser reação natural causada pela vacinação e não coloquem em risco a saúde pública, causam "aparência não muito conforme" no produto. "Tudo indica que sejam problemas causados pela vacinação. Mas pode haver também problemas de manuseio, de operação. Vamos detectar quando tivermos a investigação concluída", disse ele, afirmando que haverá uma auditoria rígida para verificação da qualidade das vacinas contra aftosa. Para representantes da indústria veterinária, é improvável que a vacina cause os abscessos, que poderiam ser decorrentes de agulhas rombudas (que perderam a ponta) ou mal esterelizadas, devido ao medicamento em si. Em carta enviada ao governo brasileiro, o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) apontou a necessidade de uma revisão abrangente do programa de inspeção de segurança alimentar do país após a identificação de violações na carne in natura, como abscessos e material estranho não identificado. O secretário disse que esse material estranho pode ser osso. A suspensão à carne brasileira veio após o USDA ter elevado em março os testes para a carne, como precaução após a operação Carne Fraca, que revelou um esquema ilegal de fornecimento de produtos alterados ou adulterados com a participação de empresários e fiscais do Ministério da Agricultura. A medida norte-americana levanta preocupações, já que os critérios dos EUA costumam ser observados por outros importadores. Novacki disse que o Brasil tem respondido a questionamentos da União Europeia sobre o tema. O Canadá disse nesta sexta-feira que rejeitou 6 de 191 carregamentos de carne bovina do Brasil desde 10 de abril.
 

25 Minerais e Pedras Espetaculares

“Mineral” não é a primeira coisa que vem à mente quando você escuta a palavra “beleza”,mas esta seleção de alguns dos mais belos minerais e pedras do mundo será uma festa para os olhos.
Um mineral é uma “substância que ocorre naturalmente e que é sólido inorgânico representável por uma fórmula química e tem uma estrutura atômica ordenada.” Uma rocha, ao contrário de minerais, não têm uma composição química específica e pode ser feita de dois minerais ou não-minerais.

#1 Opala pôr do sol

25-minerais-e-pedras-espetaculares-1

#2 Opala com galáxia dentro

25-minerais-e-pedras-espetaculares-2

#3 Oceano dentro de opala

25-minerais-e-pedras-espetaculares-3

#4 Bismuto

25-minerais-e-pedras-espetaculares-4

#5 Relâmpago em opala negro

25-minerais-e-pedras-espetaculares-5

#6 Fóssil de opala

25-minerais-e-pedras-espetaculares-6

#7 Maior geodo de ametista do mundo, a Imperatriz do Uruguai

25-minerais-e-pedras-espetaculares-7

#8 Geodo de quartzo rosa

25-minerais-e-pedras-espetaculares-8

#9 Fluorita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-9

#10 Turmalina birmanesa

25-minerais-e-pedras-espetaculares-10

#11 Quartzo de titânio

25-minerais-e-pedras-espetaculares-11

#12 Escolecita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-12

#13 Chrysocolla malaquita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-13

#14 Turmalina melancia

25-minerais-e-pedras-espetaculares-14

#15 Rosa de azurita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-15

#16 Bismuto

25-minerais-e-pedras-espetaculares-16

#17 Rodocrosita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-17

#18 Uvarovita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-18

#19 Realgar em calcita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-19

#20 Crocoíta

25-minerais-e-pedras-espetaculares-20

#21 Combinação de fluorita, quartzo e pirita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-21

#22 Cobaltocalcita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-22

#23 Turmalina no quartzo com lepidolita e cleavelandita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-23

#24 Rodocrosita

25-minerais-e-pedras-espetaculares-24

#25 Crocoíta

25-minerais-e-pedras-espetaculares-25

São impressionantes obras da natureza!

Fonte: Geólogo.com


Gema (mineralogia)

Gema (mineralogia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
  

Uma seleção de seixos de gemas polidos por abrasão em tambor cilíndrico. O seixo maior tem 40 mm de comprimento .
1 - Turquesa, 2 - Hematita, 3 - Crisocola, 4 - Olho de tigre 5 - Quartzo, 6 - Turmalina, 7 - Cornalina, 8 - Pirita, 9 - Sugilite, 10 - Malaquita, 11 - Quartzo rosa, 12 - Obsidiana, 13 - Rubi, 14 - Ágata muscínea, 15 - Jaspe, 16 - Ametista, 17 - Ágata azul, 18 - Lápis-lazúli
Uma gema (do latim gemma) ou pedra preciosa é um mineral, rocha ou material petrificado que, quando lapidado ou polido, é colecionável ou usável para adorno pessoal em joalharia. Algumas são orgânicas, como o âmbar (resina de árvore fossilizada) e o azeviche (uma forma de carvão). Certas gemas, embora valiosas e bonitas, não são suficientemente duras ou são demasiado frágeis para serem usadas em joias (por exemplo, rodocrosita), mas são exibidas em museus e procuradas por colecionadores.


As gemas são descritas e classificadas através de diferentes especificações técnicas. Em primeiro lugar vem a sua composição química. Os diamantes, por exemplo, são constituídos por carbono (C), os rubis e safiras, por óxido de alumínio (Al2O3). Dependendo da simetria dos cristais, as gemas são enquadradas em um de sete sistemas cristalinos: cúbico, hexagonal, trigonal, tetragonal, ortorrômbico, monoclínico ou triclínico. Um outro termo usado é o hábito, a forma ou combinação de formas que a gema exibe. Como exemplo, os diamantes cristalizam no sistema cúbico e são encontrados frequentemente na forma octaédrica.
As gemas são classificadas em grupos, espécies ou variedades. Por exemplo: o rubi é a variedade vermelha da espécie coríndon enquanto que todas as outras cores desse mineral constituem a variedade safira. A esmeralda (verde), a água-marinha (azul), a bixbyite (vermelha), o gochenita (incolor), o heliodoro (amarelo) e a morganita (rosa) são todos variedades da espécie mineral berilo. Turmalina e granada são nomes de grupos de gemas, não de uma espécie ou variedade. As gemas caracterizam-se por: índice de refração, dispersão, peso específico, dureza, clivagem, modo de fratura e brilho. Podem exibir ou não pleocroísmo e luminescência e têm um espetro de absorção característico de cada uma delas.
Certos materiais ou falhas numa gema podem estar presentes na forma de inclusões características. As gemas de um determinado local podem apresentar características próprias que não são vistas na mesma gema quando procedente de outras ocor

Valor

Joalharia feita com gemas de âmbar
Uma gema é apreciada especialmente pela sua beleza ou grande perfeição, portanto, a aparência é quase sempre o atributo mais importante das gemas. As características que tornam uma gema bela ou desejável são a cor, fenómenos ópticos incomuns no interior da pedra, uma inclusão interessante tal como um fóssil, uma raridade e às vezes a própria forma do cristal natural. O diamante é uma gema altamente apreciada, pois é a substância mais dura conhecida e além disso reflete a luz de uma maneira própria e apelativa quando facetado. No entanto, os diamantes estão longe de ser raros, sendo extraídos anualmente milhões de quilates.
Tradicionalmente, as gemas mais comuns eram classificadas em "pedras preciosas" e pedras semipreciosas; a primeira categoria foi determinada sobretudo por uma história de uso eclesiástico, devocional ou cerimonial e pela sua raridade. Somente cinco tipos de gemas foram consideradas preciosas: diamante, rubi, esmeralda, safira e ametista.
Hoje em dia, todas as gemas são consideradas preciosas, embora quatro das cinco gemas cardinais (excluindo a agora comum ametista) sejam geralmente, mas nem sempre, as mais valiosas.

Referências

  1. Ir para cima FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 843.
  2. Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.

'Riquezas do Piauí' mostra a beleza e o potencial econômico da opala

'Riquezas do Piauí' mostra a beleza e o potencial econômico da opala

Extração da pedra movimentou mais de R$ 3 milhões na economia de Pedro II.
Apenas na Austrália e Pedro II tem as pedras com qualidade excepcional.

Do G1 PI

O capítulo da série especial "Riquezas do Piauí" exibido pelo Bom Dia Piauí mostrou a beleza e o potencial econômico da opala, pedra extraída em Pedro II, no Norte do estado. A área rica em opala na cidade corresponde a 10 km. Em 2015, a extração da pedra movimentou mais de R$ 3 milhões na economia do município. Parte desse dinheiro vem da produção de joias.

No ano passado, a cidade vendeu 400 quilos de joias com opala. As peças são produzidas de forma artesanal, mas com muito capricho. Apenas 20 % da opala produzida no mundo é nobre. Somente a Austrália e o Brasil têm essas pedras com qualidade excepcional. Os dois países disputam o mercado.
Historiadores contam que a primeira pedra preciosa surgiu em 1930 e foi achada por um  homem conhecido como Simão. Ele estava fazendo a colheita da mandioca e ficou surpreso com a luminosidade da pedra. Simão levou a pedra para Teresina para que fosse analisada. Um engenheiro confirmou que a pedra era semipreciosa.

As pedras de Pedro II são extraídas de dentro de uma serra. A terra aparentemente sem vida e sem cor é alvo de olhares atentos dos garimpeiros que estão em busca de um tesouro.

Para o garimpeiro Márcio da Silva, encontrar uma pedra de opala é muita sorte. "Ás vezes, a gente passa semanas cavando em busca da pedra. Às vezes encontramos fácil e em outras nem tanto", contou.

Se dedicar ao garimpo é um trabalho árduo, pois o garimpeiro pode se cultivar toneladas de pedras que podem não ter um grama de opala ou pode se ter mais do que se possa imaginar. Os trabalhadores peneiram aquilo que pode render e jogam fora o material que não será usado.

O garimpeiro Francisco dos Santos explica que através da água ele consegue distinguir o tipo de pedra. "A opala não se mistura com água quando está dentro do liquido, ela mostra sua qualidade e brilho”, comentou.
Opala extraída em Pedro II é o principal motor para desenvolvimento econômico (Foto: Reprodução/TV Clube)


Em dois dias de trabalho, Francisco consegue geralmente R$ 400. Ele agradece pelo trabalho porque é através dele que consegue sustentar sua família. "Não preciso trabalhar para ninguém. Eu mesmo consigo me sustentar".

Além de Francisco, outros 500 garimpeiros sustentam a família através da extração da opala

Fonte= G1